ARMATTI YACHTS - Bem vindo

Cresce a demanda por lanchas acima de 40 pés

A pandemia mexeu com o comportamento do consumidor, que passou a valorizar o convívio com a família em ambientes maiores, e novas formas de lazer, também por conta das restrições impostas pelo isolamento social. A realidade foi constatada no mercado náutico brasileiro, que registrou crescimentos de mais de 20% em vendas de embarcações em 2020, de acordo com a Acobar. Já a fabricante nacional de lanchas premium Armatti Yachts registrou um aumento acima da média, um acréscimo de 30% em vendas, especialmente por modelos acima de 40 pés.

O suíço Éric lovey, empresário de 55 anos, é um dos clientes que adquiriu uma unidade da recém-lançada lancha Armatti 420. “Nunca havia comprado uma lancha. Tive a ideia de adquirir um barco há três meses, durante a pandemia.  A tranquilidade e a privacidade são importantes. Foi assim que entrei no mercado náutico e comecei a buscar por opções de embarcações. Fiquei surpreendido com a marca brasileira Armatti Yachts, feita em Florianópolis, com um design belíssimo, alta qualidade e custo menor em relação às importadas”, diz Eric Lovoy que, apesar ter nascido na Europa e morar no exterior com a família, se considera manézinho (como são chamados os nativos da Ilha catarinense). Como possui casa em Santa Catarina, e vem com frequência a trabalho para o Brasil, optou por deixar a sua embarcação de 42 pés ancorada em Jurerê Internacional.

Já o carioca Antonio Lage, de 52 anos, fez um up-grade de modelo, trocou uma lancha de 36 por outra de 48 pés. “O Fernando estava lançando a Armatti 480 quando fomos visitar o barco no Rio Boat Show. Gostamos do modelo e perguntamos se poderíamos customizar da forma como minha mulher queria. Queríamos uma sala (convés) maior, com mais sofás e com aparência de uma sala de casa. Outras exigências eram ar condicionado em todos os cômodos e um convés bem gelado, com possibilidade de navegar como ar ligado todo o tempo, boa navegabilidade e estabilidade. Conversamos com o Fernando e chegamos à conclusão de que era possível, e ele aceitou o desafio”, lembra Lage.

Lage afirma que costuma navegar com a família pelo menos duas vezes por mês. “O melhor benefício para mim é o convívio familiar e a liberdade que o barco proporciona para decidirmos onde ir.  Gostamos de navegar com a família para as ilhas da baía da Ilha Grande em Angra dos Reis”, avalia.

A fabricante nacional de lanchas premium Armatti Yachts sentiu essa mudança de comportamento e o aumento na demanda por modelos de lanchas de médio a grande porte.

“Passou a ser cada vez mais importante os momentos de convivência com a família e até o lazer a bordo. Dessa forma, vimos as pessoas optando por modelos com áreas generosas externas para o contato com a natureza, mas também com o conforto de uma casa com cozinha, banheiros e cabines para pernoite. Tanto que registramos um aumento três vezes maior no primeiro trimestre de 2021 por modelos acima de 40 pés, em relação a todo o período do ano passado”, analisa o CEO da marca Fernando Assinato que já se prepara para lançar o maior modelo da marca, de 51 pés.

 

 

VOLTAR PARA NOTÍCIAS